COMPARTILHE ISSO

Recentemente a Huawei lançou a sua solução 4K IP bearer network baseada no U-vMOS, um sistema de avaliação da experiência de vídeo amplamente reconhecido pela indústria. Este método ajuda operadoras a criarem redes IP bearer com uma melhor experiência, auxiliando-as a se tornarem líderes da era 4K. Para isto, a Huawei anunciou o lançamento do NE40E-M2H, um roteador CO, 2U e com 300 mm de profundidade, com a capacidade recorde da indústria.huawei

Na medida em que os serviços 4K se desenvolvem, o modelo de tráfego convencional de alta convergência vem mudando para um alto tráfego e alta concorrência, o que faz com que as redes antigas sejam incapazes de garantir uma experiência 4K completa. Assim, as operadoras precisam construir redes com prioridade na taxa de transferência ao invés da largura de banda.

A taxa de transferência da rede está proximamente relacionada com a largura de banda, a latência e a taxa de perda de pacote. Para atender estes requisitos e atingir uma experiência 4K com pontuação U-vMOS 4 ou superior, é necessária uma rede IP bearer fim a fim com alta taxa de transferência.

A solução de rede 4K IP bearer da Huawei orientada para a experiência oferece uma plataforma com capacidade grande e uma arquitetura plana, o que serve de base para a alta taxa de transferência. Os usuários podem, então, acessar conteúdo próximo, reduzindo a latência fim a fim. A agregação de redes Ethernet antigas é propensa à perda de pacotes em circunstâncias de congestionamento e explosão de tráfego. Para reduzir o impacto da perda de pacote na taxa de transferência, os roteadores da Huawei contam com a capacidade de fornecer um buffer grande.

Uma alta taxa de transferência requer uma garantia da rede fim a fim. Os roteadores de alta taxa de transferência (HTRs, na sigla em inglês) da Huawei suportam o reconhecimento em tempo real do congestionamento da rede, a previsão inteligente da largura de banda e o ajuste automático da taxa de transferência, reduzindo o impacto da perda de pacote e da latência na qualidade do serviço de vídeo. Os HTRs podem aumentar a taxa de transferência em caso de um link de baixa qualidade em um acesso por cabo de cobre ou uma grande atenuação de sinais Wi-Fi domésticos, resolvendo o longo tempo de carregamento, a “pixelização” e melhorando a experiência do serviço 4K.

A sensibilidade do olho humano na percepção de problemas no vídeo resulta em altas exigências para a O&M do serviço 4K. A solução 4K O&M da Huawei emprega um mecanismo de serviço de vídeo para detectar a deterioração da qualidade e relata os KQIs do serviço para o sistema de gestão da rede (NMS, na sigla em inglês) visando a sua restauração. A tecnologia IP FPM programa então uma identificação de falhas rápida e em tempo real. A solução 4K O&M acelera a retificação de falhas e a restauração do serviço, garantindo a experiência de vídeo do usuário.

No Global Analyst Summit, a Huawei também lançou o NE40E-M2H, que possui uma capacidade de encaminhamento de até 480 Gbps e fornece interfaces de alta densidade de 10GE e 100GE. Os Huawei Smart CO routers fornecem capacidades de QoS granulares, garantindo com eficiência a experiência de vídeo para usuários de alto valor.  Eles também suportam a tecnologia de acesso virtual, que virtualiza o roteador CO como uma placa lógica em um BNG. Esta tecnologia programa a gestão unificada de BNGs e CO routers, simplificando as redes e melhorando a eficiência da O&M. O CO router de alta capacidade, o BNG e o CR trabalham juntos para construir uma rede fim a fim com alta taxa de transferência, atendendo as demandas das operadoras por crescimento de serviço para os próximos 5 a 10 anos.

A Huawei está continuamente criando inovações tecnológicas no segmento de banda larga fixa com o objetivo de fornecer uma experiência 4K superior para os usuários, além de ajudar as operadoras na evolução contínua da rede e na tecnologia cloud bearer orientada para o futuro a fim de criar valor agregado.


mm

Otavio Miguel

Administrador e autor do site. Apaixonado pelo que faz e fiel a Deus. Aluno de Engenharia de Computação na UTFPR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: